Latentes Viagens

Este espaço é um experimento aberto, amplo, intuitivo e original. Liberto das amarras acadêmicas, sistêmicas e conceituais, sua atmosfera é rarefeita de ideias e ideais. Sua matéria prima é a vida, com seus problemas, desafios e dilemas. Toda angústia relacionada ao existir encontra aqui seu eco e referencial. BOA VIAGEM!



 Com certeza uma das cidades mais interessantes do sul de Minas Gerais. São Tomé das Letras é uma cidade famosa pelos seus aspectos místicos, ufológicos e transcendentais. Localizada num território privilegiado, seja pela altitude (1440m), pelas belezas naturais (cachoeiras, grutas e montanhas) ou pela sua formação geológica. Reza a lenda que a cidade foi construída em cima de uma formação de quartzito, porém um dos grandes atrativos da cidade, além de sua magnética energia, é a aparição constante de luzes que brilham aleatoriamente no céu. Passear pelas ruas de São Tomé é sentir a magia do inicio dos tempos, não por acaso a cidade está entre as sete mais sagradas do globo terrestre sendo que no meio esotérico admite-se a existência de um portal que facilita a comunicação espiritual e extra terrestre. A cidade recebeu este nome devido a um caso muito interessante, conta-se que um dos principais senhores daquela época, ao saber que sua irmã estava fornicando com um escravo (João Antão) passou a persegui-lo e a maltrata-lo, diante de tantas humilhações o escravo resolveu fugir e se refugiou numa gruta, habitando-a durante um tempo, num certo dia, um ser de luz surgiu e lhe forneceu uma carta para ser entregue ao seu ex amo e que o mesmo lhe perdoaria, cansado daquela vida o escravo não titubeou e dirigiu-se a casa do senhor, ao lhe relatar o ocorrido o senhor mandou homens para certificarem-se dos fatos, ao chegarem na gruta se depararam com uma imagem de São Tomé ao lado de umas pinturas rupestres que pareciam letras, daí o nome: São Tomé das Letras. Laureada por uma atmosfera mística a cidade apresentou durante muitos anos a ocorrência de aparições de óvnis e discos voadores, luzes cortavam o céu e pousavam nos arredores, fatos estes testemunhados por moradores e algumas pessoas interessadas no estudo das questões ufológicas, entre elas vale destacar a figura de Oriental Luiz Noronha, carinhosamente chamado por seu Tatá. Seu Tatá é um dos guardiões de São Tomé, responsável pela análise histórica da cidade, o mesmo já registrou diversos relatos em livros, vídeos e palestras proferidas num descontraindo bate papo nos fundos de sua pousada. Seu Tatá, mineiro de Cruzília, possui uma vida marcada pela busca contínua e incessante das grandes questões existenciais: de onde viemos, o que somos e para onde vamos. Abandonou a carreira de cantor de rádio e de instalador de antenas para viver uma vida simples e modesta. Ao se aventurar na busca por inscrições rupestres seu Tatá se deparou com uma série de fenômenos inusitados, entre eles as aparições constantes de discos voadores. O mesmo chegou a ter contato com uma entidade de nome Akiel que o levou aos domínios de uma sociedade intraterrena. É curioso notar que o processo de conhecimento de seu Tatá se desenrola de uma forma simples, linear e uniforme, de historiador para antropólogo, ufólogo e geólogo. Sua linguagem simples mas profunda denota grande sabedoria e um rico acervo de experiências pessoais e intransferíveis, conversar com seu Tatá é como respirar numa atmosfera que transcende o tempo e o espaço, ao mesmo tempo que fala do passado remete diretamente para o futuro da humanidade, dilatando percepções, ampliando horizontes e redimensionando a verdadeira missão do homem terrestre. O auto conhecimento como forma de vida, a análise paciente e minuciosa da natureza, do céu e dos conjuntos de fatos conhecidos pelos primitivos lhe servem como base de um tipo de conhecimento totalmente além dos moldes pré estabelecidos pela ciência. Suas observações falam mais ao coração de quem escuta do que a mente dos que somente ouvem. Seus relatos transmitem de forma simples a história de São Tomé e seus causos, as pinturas rupestres e seus significados, as aparições de luzes desde o processo pessoal de abdução, o contato com seres de outra dimensão e principalmente a certeza da existência de vida além desta própria. Pelas ruas de São Tomé podemos contemplar um desfile de seitas, crenças e filosofias, entre elas se destaca a intrínseca a própria natureza, a magia dos elementais, fadas, bruxas, magos e gnomos, mantras hindus são ouvidos em várias lojas, a espiritualidade é o combustível vivo de seus moradores. Muito admirada pelas suas belezas naturais, as cachoeiras são verdadeiros convites ao deleite e a prática meditativa, assim como suas montanhas que propiciam uma atmosfera de profundas reflexões. Todo este arranjo lhe permite uma comunhão de energias propicias ao desenvolvimento de novas faculdades e percepções. Os hippies desfilam em liberdade exibindo seu trabalho, sua cultura e criatividade, são muito respeitados pelos moradores e gozam de um status totalmente diferente daquele que se encontram no seio de outras cidades e regiões. A famosa hospitalidade mineira é um marco, notoriamente visível nos irrisórios preços das diárias e das acomodações. Para quem gosta de um passeio ecológico, esotérico e histórico, é um ótima pedida. Vem ver como está bonito em São Tomé: https://www.youtube.com/watch?v=eueNvSQLspE       

0 comentários:

Total de visualizações de página

GINO RIBAS MENEGHITTI

Admiro todas as pessoas que ousam pensar por si mesmas.

Blog Archive

Posts mais Lidos e Visualizados

Frases de Albert Einstein

A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.

O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.

A imaginação é mais importante que o conhecimento.

Se A é o sucesso, então A é igual a X mais Y mais Z. O trabalho é X; Y é o lazer; e Z é manter a boca fechada.

Follow by Email

Translate