latentes viagens

Este espaço é um experimento aberto, amplo, intuitivo e original. Liberto das amarras acadêmicas, sistêmicas e conceituais, sua atmosfera é rarefeita de ideias e ideais. Sua matéria prima é a vida, com seus problemas, desafios e dilemas. Toda angústia relacionada ao existir encontra aqui seu eco e referencial. BOA VIAGEM!


O tempo, este deus da transformação, atua de forma desconcertante, fomentando em nosso íntimo o doce desejo da transformação. Vivemos em uma sociedade marcada por visíveis contradições, entre o ser e o ter entre a essência e a aparência. De forma brusca, repentina, a roda da vira movimenta-se e tudo que antes parecia de forma certa e indubitável agora nos afigura incerto e duvidoso. O incessante progresso científico e tecnológico nos leva a uma infinidade de avanços nas mais diversas áreas do conhecimento humano, proporcionando uma série de comodidades e de facilidades. A medicina evoluiu no diagnótico das mais variadas doenças, quase todos os setores da sociedade são beneficiados pela presença da informática, e assim por diante. Os efeitos são enormes, as consequências inumeráveis, e entre os aspectos positivos podemos destacar o encurtamento das distâncias entre os povos e o intercâmbio entre as culturas. A globalização redimensionou o globo terrestre às suas justas proporções. O que nos afigurava longe e distante, hoje pode ser visto ao vivo em questões de segundos. No entanto corremos o risco de estarmos vivendo uma vida virtual, superficial, vigiada e controlada. Os relacionamentos amorosos por exemplo podem nascer de um ambiente totalmente virtual, como as salas de bate papo. O cheiro da pele, os olhos nos olhos e aquele friozinho na barriga são desconhecidos e nem sequer desejados por quem acredita nessa forma de "encontro". Os mecanismos utilizados pelas grandes seguradoras se transformaram em elementos indispensáveis ao bom funcionamento do sistema. Milhares de lojas, empresas e condomínios aderem ao sistema de câmeras vinte e quatro horas, ficamos expostos aos olhos alheios em nome da nossa própria segurança.

Total de visualizações de página

GINO RIBAS MENEGHITTI

Escritor, Filósofo, Poeta, Ensaísta, Político, Rapper, Dependente Químico, Militante Ativo do PC do B, Técnico Administrativo do CEFET, Membro de Alcoólicos Anônimos, Narcóticos Anônimos e Grupo Levanta de Novo. Ministra Palestras Gratuitas sobre Dependência Química e assuntos relacionados a Política, Educação e Cultura em Geral. Áreas de Interesse: Filosofia, Literatura, Psicologia, Psicanálise, Sociologia, Cinema, Música, Biografias, Dependência Química, Estudo das Artes e Religiões.

Posts mais Lidos e Visualizados

Frases de Albert Einstein

A mente que se abre a uma nova idéia jamais voltará ao seu tamanho original.

O único lugar onde o sucesso vem antes do trabalho é no dicionário.

A imaginação é mais importante que o conhecimento.

Se A é o sucesso, então A é igual a X mais Y mais Z. O trabalho é X; Y é o lazer; e Z é manter a boca fechada.

Follow by Email

Translate

Google+ Followers